Pensar Maior Saúde: da sustentabilidade à longevidade com qualidade de vida

ABR 28, 2022

Cofna Boost Content - Pensar o Futuro. Confira matéria original aqui.



No âmbito do evento Pensar Maior Saúde, falámos com personalidades do setor da saúde sobre as linhas de atuação dos vários atores e a sustentabilidade do setor no pós-pandemia, face à conjuntura económica. Outros temas foram o desafio da longevidade com qualidade de vida e os avanços da medicina.


Para Joaquim Ferreira, professor de Neurologia e Farmacologia Clínica na Universidade de Lisboa, as doenças associadas ao envelhecimento, em especial as neurodegenerativas (como as demências), colocam um enorme desafio à medicina, à ciência, e pedem novas abordagens integradas nos cuidados de saúde.



Segundo Isabel Vaz, presidente da comissão executiva da Luz Saúde, a pandemia e as suas sequelas trazem novos desafios, com os tratamentos, controlos e rastreios que foram interrompidos e que terão de ser retomados. A pandemia veio tornar evidente a necessidade de articulação entre o setor público, privado e cooperativo para assegurar a eficácia e a sustentabilidade do sistema de saúde.



De acordo com Rui Diniz, presidente da comissão executiva da CUF, há ainda muitas pessoas que não voltaram às suas rotinas de rastreio, controlo e tratamento, em especial pessoas mais velhas. Garantir a qualidade dos cuidados de saúde em simultâneo com a sustentabilidade para o futuro continua a ser o maior desafio do setor, em especial na atual conjuntura de aumento generalizado dos custos da atividade.



Maria João Sales Luís, presidente da comissão executiva da Multicare, coloca a ênfase na gestão do risco e na responsabilidade coletiva e individual, sublinhando que o setor segurador se tem adaptado às novas circunstâncias e tem encontrado formas de acompanhar as novas necessidades e expectativas dos clientes.



0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo